Saúde desenvolve enquete para avaliação da saúde mental

Com o objetivo de conhecer mais sobre a percepção da sociedade quanto a saúde mental e o conhecimento da rede, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) convida a população a responder uma enquete produzida pela Gerência de Atenção Psicossocial.

A enquete tem caráter anônimo e integra a campanha Janeiro Branco, que visa colocar os temas da saúde mental em evidência no mundo, em nome da prevenção ao adoecimento emocional das pessoas.

Com o resultado, será possível também realizar um levantamento e desenvolver políticas públicas específicas para cada região do Município, atuando no planejamento e organização das ações voltadas à promoção, prevenção e cuidado das pessoas.

A assistente social Roseane Farias explica que o questionário possibilitará que as pessoas reflitam sobre saúde mental. “O questionário dará a oportunidade para parar e pensar um pouco na saúde mental, em como vivemos o nosso cotidiano e, muitas vezes, esquecemos de cuidar dessa área. O cotidiano nos absorve com o trabalho, família e problemas diversos”, relata.

Roseane destaca ainda os cuidados ofertado pelo Município. “O SUS possui diversos serviços e profissionais habilitados para acolher essas demandas e possibilitar o enfrentamento do adoecimento mental. Precisamos falar sobre saúde mental e buscar quebrar os preconceitos ainda existentes na população quanto ao tema”, frisa.

Janeiro Branco

A campanha Janeiro Branco propõe uma reflexão sobre o sentido da vida, a qualidade dos relacionamentos,  emoções, pensamentos e comportamentos. Ela surgiu em 2014 e foi idealizada por psicólogos de Uberlândia, Minas Gerais. O objetivo da campanha é a conscientização da promoção e proteção da saúde mental, mas atualmente já abarca todas as categorias profissionais.

“Como janeiro é o início do ano, é um mês em que as pessoas absorvem muita coisa do ano anterior, então serve para fazer uma reflexão sobre o ano que passou e tentar mudar algumas coisas em nossa vida, trabalhando principalmente o nosso emocional e como está nossa saúde mental”, ressalta Izolda Dias, gerente de Atenção Psicossocial da SMS.

17/01/2020

(Visited 1 times, 1 visits today)